A demissão do C.A. do Hospital Sobral Cid

Não me referi à mediatizada demissão dos membros do Conselho de Administração por me parecerem pouco convincentes as razões e por ver a satisfação do PSD local contra o respectivo presidente, que desafiou a liderança de Marques Mendes.

Por isso, tomo por boa a análise de Fausto Correia, Director de «O Despertar».

Comentários

Anónimo disse…
Este Fausto tem uma lata ... o sonho do seu "bloco central" de interesses e cunhas não tem limites !
Anónimo disse…
O artigo de Fausto Correia, neste momento, impunha-se.

Também ele (o próprio) já beneficiou do "esquema do bloco central" para manter um "empregozito" (em empresa pública) na contra-mão da corrente politica, dominante no momento.
Julgo que foi no tempo do Prof. Aníbal (1º. ministro).
Não foi?
Resta averiguar onde estes "cambalhachos" estão ainda a funcionar. Porque estar, estão.

E, atenção, Bruxelas/Estrasburgo não duram sempre.
Há ir e voltar!
Anónimo disse…
Este artigo do Fausto devia ser transcrito - na íntegra, com sub-títulos e destaque - no "Cavaleiro da Imaculada".
Lá é que ficava mesmo a calhar!
Anónimo disse…
A política no seu pior!
(ou, aliás, a política no seu melhor...)
Anónimo disse…
Pois é Fausto, não se pode passar uma vida inteira a proteger e a desproteger pessoas conforme os intereses de momento. Como é evidente, Estrasburgo foi a tua última golpaça ! Acabou ! Não te iludas com a CMC. Já ninguém te leva a sério e só dificilmente conseguirás comprar mais uns tolos.

- O "esquema bloco central" a que este menino se agarrou no consulado cavaquista foi (SÓ) o de administrador da RDP - empresa pública. Nesse tempo (e por muito mais tempo, ao que dizem durante os governos de Guterres) o seu papel foi proteger PSDs dentro da empresa, a maior parte das vezes em detrimento de camaradas de partido. Nada a ver com o mérito. Apenas com os interesses do menino. Uma vergonha !!!
Anónimo disse…
Estes "cambalachos" continuam em vigor.

Nas empresas públicas, nas empresas autárquicas, nos hospitais, etc.

Neste momento, quando alguém do PSD é nomeado para um cargo nestas empresas, muitas vezes nada tem a ver com o mérito. É tão somente a "paga" de uma situação já vivida (em "dívida") atrás.
Este lobby que se alimenta (rotativamente) à volta da gestão ou da administração das empresas públicas, tem muito para espiolhar.

Mas toda a gente já os topou!
Carlos Esperança disse…
Curiosamente é sempre sob anonimato que as acusações surgem.

Fausto Correia é hoje, provavelmente, o mais competente e experiente político de Coimbra.

É por isso que as acusações surgem?

Foi, acaso, um mau governante?
Anónimo disse…
É preciso ter lata ó Esperança. Eu gostava que o Fausto escrevesse isso num jornal de dimensão nacional. Nem nos mais lidos em Coimbra quis escrever. Escreveu no Despertar, do qual é Director e que ninguém lê. Escreveu apenas para ficar tranquilo e ficar escrito que defendeu o Zé Beto.
Ele devia ra de ter vergonha por ter ajudado a nomear um louco incompetente, do PSD, no tempo do Guterres em deterimento de camaradas seus que deram o litro para o eleger para o seio das várias "mamas" onde está montado desde há 20 anos
Anónimo disse…
Caro leitor das Qua Set 13, 01:17:29 PM , também anónimo.
Foi um péssimo governante. Péssimo=pior que mau.
Foi só o Secretário de Estado que "enfiou" na função pública 80.000 avençados do tempo do Cavaco Silva. O Cavaco não os meteu na máquina do Estado, apesar de saber que eram esmagadoramente laranjas, foi o Fausto Correia fazer esse serviço. Sabe o que isso significa. Recibo Verde quer dizer que não é preciso concurso. É por ajuste Directo, ou seja escolha pessoal do dirigente ou do político, no caso sendo reinado PSD seriam próximo dos laranjas. Meteu-os todos no Estado sem qualquer garantia de mérito. Imagine o que seria da Sonae se fizesse o mesmo? Já não era portento nenhum. Sem qualquer critério de mérito e sem se saber se o Estado precisava desses prestadores de serviço meteu-os no quadro e agora, anos volvidos está à vista o lindo resultado. Estamos todos a pagar a factura, sobretudo os que, como eu, nunca tendo trabalhado na função pública e sendo trabalhador independente, também passando recibos vrdes aos meus clientes, sou forçado a pagar a mesma factura sem ter qualquer responsabilidade.
O que mais me irrita é que esses politiqueiros da treta vendem uma imagem de grande competência mas não valem uma merda
Anónimo disse…
Meteu-os sabe sob que capa? Tadinhas das pessoas, o Estado não pode ter pessoas precárias a trabalhar para si! É o nacional porreirismo! As funções do Estado são outras. É garantir saúde de qualidade sem termos de a pagar. Uma justiça célere e justa, uma educação para todos e de qualidade e por aqui em diante.
O Estado não é definitivamente o albergue dos que foram contratados por terceiros por amizade ou filiação partidária a recibos verde para o PS ter pena e hipotecar todos os serviçso que efectivamente o Estado deve fazer porque tadinhos, o vínculo é precário.
Diga-m,e caro leitor, os médicos não passam recibo verde? E os advogados, e os engenheiros e os arquitectos. E por isso são precários? Essa é boa!só o PS do nacional porreirismo que deu cabo do país. nesse PS está Fausto Correia
Carlos Esperança disse…
Por que será que as calúnias são sempre anónimas?

A cobardia que nos fez suportar meio século de ditadura é a mesma que alimenta a «apagada e vil tristeza».

Coimbra terá o que merece?
Anónimo disse…
Carlos Esperança vc ou é distraído ou inocente ou ... hipócrita. Então vc acha que neste Portugal dividido entre PS e PSD e das coorporações mais diversas, existe lugar para a opinião livre quando ela é emitida por cidadãos sem força (política, económica, mediática , etc etc) ? Você acredita que não existem represálias ???? Há poucas ...
Quanto a Fausto Correia, embora se saiba que já anda a afiar os beiços para a CMC, acho que é dos mais experientes políticos de Coimbra, sim senhor. MAS ... competente ? competente ? só se for em jogadas, compadrios e esquemas ! CHEGA DE VIVER UMA VIDA INTEIRA À CUSTA DE DESGRAÇADOS QUE O TÊM COLOCADO NOS MAIS DIVERSOS CARGOS PÚBLICOS E A QUEM O SENHOR EM TROCA DÁ UMAS PALMADINHAS NAS COSTAS, MAS DEITA FORA LOGO JÁ QUE NÃO LHE INTERESSA !!!
E O Bobo sou eu... disse…
este Sr Esperança, esta equivocado ou mal informado,lamento que não consiga descernir o quão de "chocante" tem o artigo e ainda por cima lhe descortine virtudes, valha-o Deus.
Não lhe conhecia ,e fico atónito, tamanha louvação.
Anónimo disse…
o Sr um acérrimo defensor da coisa publica "acha as razões coisa pouca"?
Anónimo disse…
ainda bem que há mais eleitores que vão topando como isto tem sido,
é um fartar,

e os tolos que somos nós vamos sendo gozados,safa que não há mais popós nem bandeirinhas que me levem.
e-pá! disse…
CE:

"Fausto Correia é hoje, provavelmente, o mais competente e experiente político de Coimbra."

Não acredito!

A (má) situação do PS em Coimbra - ver autárquicas, presidenciais, etc, deve-se, primeira mão, à inabilidade política e desastrada liderança de Fausto Correia.
O sentido de autocrítica é fundamental em política.

Se há hoje alguma recuperação do PS é, em primeiro lugar, pela incompetência (há em todos os lados!) do PSD, acrescida do facto de Fausto Correia estar longe ... na Europa. Lá, ficando por lá, imiscui-se menos. Mas, atenção, há-de tentar reaparecer com a aproximação das autárquicas. Logo se verá!
O que se sente, no momento, é:
Ninguém chora a sua falta! Não nos "castigou" com a sua ausência.

Se, tivesse (fosse obrigado) a recordar algum político do PS de Coimbra, que tivesse algum relevo,
talvez...Manuel Alegre (o que não colherá a simpatia do CE).

Mas as opiniões são assim - díspares e é bom que o sejam.
Carlos Esperança disse…
e-pá!

Às vezes até me admiro com a identidade tão frequente dos nosos pontos de vista.

Manuel Alegre é um político que admiro e um cidadão que me serve de referência.

Mas Alegre não é um político de Coimbra, é um político nacional.

Isto não invalida que tenha discordado dele, pela primeira vez, quanto à co-incineração, já lá vão anos.

A última discordância foi na candidatura à presidência da República. Apoiei Soares.

Mas, aqui memso no Ponte Europa, ao definir o perfil do candidato que eu desejava, defendi uma mulher, jovem q.b., culta e com experiência política. Helena Roseta era uma das que tinha em vista.

Finalmente recordo o saudoso Raul Rego «pena de oiro». Quando lhe perguntaram se esteve sempre de acordo com Mário Soares, com que sempre parecia identificar-se, respondeu que só um satélite está sempre de acordo com o astro principal. (As palavras não foram estas mas julgo não trair a ideia).
e-pá! disse…
CE:

Uma breve "achega"...

Se um bom político de Coimbra (competente, experiente, etc.) fôr, simultaneamente, um relevante político nacional, não deixará de "existir" em Coimbra. Antes pelo contrário...
Anónimo disse…
Volta Machado e perdoa-lhes.
Jorge Manuel Andrade disse…
caro carlos esperança:

Sou o anónimo das Qua Set 13, 03:41:10 PM :
Em primeiro lugar o que escrevi não são calunias são opiniões. Se o meu amigo que enche o peito para falar em Liberdade não sabe ou não quer distinguir o quie são calúnias de opiniões, não poderá haver mais conversa aqui porque falamos linguagens diferentes.
A minha opinião é a de que Fausto Correia é dos mais experientes políticos na celebração de jogos políticos, pactos de consenso, promoções e aproveitamentos pessoais da política. Isso é sem dúvida.
Competência c´est une outre chose.E iisso ele não tem. Nunca teve, aliás.
E isto não é calúnia é uma opinião sobre uma figura pública que tem de se sujeitar a ela.
Apesar de subscrever a opinião do amigo das Qua Set 13, 05:23:58 PM , aqui vai o meu nome para o senhor dr. Fausto ir à procura de saber quem escrever que ele era incompetente.
Carlos Esperança disse…
Jorge Manuel Andrade:

Aí está uma atitude de cidadania - dar a cara.

Nesse caso, mesmo que seja injusto, é uma opinião respeitável.

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

Efeméride – 30 de outubro de 1975